img-feed img-feed-email

Salada Poética

Por Zanah Rios

A poesia tem comunicação secreta com o sofrimento do homem.
Pablo Neruda


A DANÇA


Não te amo como se fosse rosa de sal, topázio
ou flecha de cravos que propagam o fogo:
te amo secretamente, entre a sombra e a alma.
.
Te amo como a planta que não floresce e leva
dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
e graças a teu amor vive escuro em meu corpo
o apertado aroma que ascender da terra.
.
Te amo sem saber como, nem quando, nem onde,
te amo diretamente sem problemas nem orgulho:
assim te amo porque não sei amar de outra maneira,
.
Se não assim deste modo em que não sou nem és
tão perto que a tua mão sobre meu peito é minha
tão perto que se fecham teus olhos com meu sonho.

Pablo Neruda


Oláaaaaaaaaa! Você que já estava com saudades da poesia, que abriga no espirito uma necessidade de voar nas asas das rimas e versos...Voltamos com a carga toda! E hoje convidamos o Filho de um operário ferroviário e de uma professora primária, ele nasceu em 12 de julho de 1904, na cidade de Parral (Chile). Seu nome verdadeiro era Neftalí Ricardo Reyes Basoalto. Em outubro de 1971 recebeu o Nobel de literatura. Pois é estamos falando de Pablo Neruda. Sugiro que, se você se interessar, busque maiores informações sobre este grande poeta que viveu momentos especiais da história universal, tornando-se um dos mais importantes poetas chilenos do século XX, no wkipedia; Sua pesquisa.com, entre outros.

Esta é a nossa Salada poética!

Aprecie sem Moderações!


Há amores secretos, confessos e confinados no coração. Somente pelos olhos saberão que se ama.


Poeminha pra um bem querer


Procuro no silêncio noticias tuas...Tu que agora dormes... Deves sonhar?!...

como saber?!...

Eu por minha vez não fecho os olhos,

quero sonhar-te acordada, resguardar teu sono tranquilo.

Dorme meu amor... e sente que um anjo sem asas vela por ti.

Quisera eu,

poder preparar-te uma manhã de festa,

pedir ao sol que brilhe, mas não apague o orvalho cedido pela noite,

são estrelas descidas do céu que vieram dançar contigo

disfarçadas de cristais líquidos, translúcidos .

Abrir um baú cheio de presentes!

arremates e fitas pra você por no cabelo,

uma cesta de vime com flores,

mangas rosas maduras colhidas no pé,

tua caatinga, teus rios, tua chapada...

Ah!! que linda manhã te daria...

só pra te ver sorrir.

Zanah Rios











Wellcome... Well num come ninguém não!!!

Bem vindo ao seu espaço de discussão sobre Cultura Pop, o BobQuest! O BobQuest é um blog diferenciado. Somente nele voçê pode ser voz ativa e voz ouvida. Nele discutimos desde as principais mazelas da Cultura Pop (nossa especialidade) até assuntos do dia a dia, o que popularmente é definido como "papo de buteco". Divirta-se e fique livre para xingar, comentar e usar da sua liberdade democrática, pois aqui é um dos poucos lugares onde esta será amplamente respeitada.
A Direção

Quem somos noizes?!!!

Somos apenas "caras comuns" que querem ser voz ativa e voz ouvida. A internet é a única ferramenta que dispomos pra dizer o que queremos, quando queremos. Ela é o último veículo de comunicação cem por cento democrático. É o único meio de explanação de pensamentos livres de repressão por parte dos poderes, por isso nós aqui a utilizaremos da forma mais livre e sucinta para adentrar e discutir desde as tendências do mundo pop a quaisquer outros assuntos, independente de influências externas ou internas. Aqui você terá liberdade de falar o que bem quiser... enquanto for possível.

Pra entender o que eu tô dizendo

Siga-nos no Twitter

    follow me on Twitter
    Ocorreu um erro neste gadget

    Nossa Trupe

     
    ▲ TOPO ▲