img-feed img-feed-email

SEÇÃO COLA PRONTA: Complemento ao estudo de História do Brasil

















Por Prof. Charles Andrade

Êiiiiiitáááááááááááá!Alô você que adentra no mundo maravilhoso da internet, mais especificamente neste que é o melhor blog sobre cultura pop DO UNIVERSO!!!.Um alô especial aos alunos do Colégio Petrônio Portela (que devem estar acessando este blog nesse momento). Este Post é dedicado especialmente a você que tem dúvidas na escola, quer fixar um conhecimento ou aprimorá-los. Atenção! Apesar do título da postagem, este Post não tem o objetivo de estimular a prática da cola ou facilitá-la de forma alguma. Então o que quer dizer o título COLA PRONTA?!Simplesmente quer dizer que este Post objetiva facilitar a sua compreensão dos assuntos expostos de maneira divertida e eficaz, fazendo com que a cola não seja necessária, pois a compreensão dos temas abordados torna a cola totalmente desnecessária. Então se você for pego colando, desde já deixamos claro que não nos responsabilizamos por isso e apoiamos totalmente a idéia de você tirar um belo e maravilhoso ZERO. Esperamos tambem que vocês se divirtam e fiquem a vontade pra comentar, corrigir, ampliar a discussão ou simplesmente contar experiências. O objetivo do blog é entreter e discutir. Esse como todos os outros posts do BobQuest são permanentes e circulares, ou seja, novos Posts são regularmente produzidos e estes estão sempre ligados a um mesmo título com diferentes conteúdos. As matérias são corriqueiramente expostas, assim haverá outras postagens com os títulos Cola Pronta, Por que devo..., Por isso eu colo meu ouvido no radinho e assim por diante, abordando outros temas. Esperamos que vocês voltem sempre e que acessem não somente esta, mas todas as outras postagens (é de graça{risos...}).Tchau!



O Segundo Reinado (1840-1889)
Tema: Os Imigrantes


“A coroação de D. Pedro II pôs fim ao período regencial. O novo imperador tornou-se símbolo de um Estado que na visão das elites, tinha como tarefas principais preservar a unidade política do país, manter a união das províncias e garantir a ordem social”.
COTRIM, pág.384


Olá, alunos!O tema que abordaremos será “Os imigrantes”, mas o que vem a ser esse tema?Quem eram?De onde vieram?O que isso tem de importante pra ser motivo suficiente pra eu ler isso?São perguntas essas que serão respondidas agora.
Primeiramente precisamos nos situar temporalmente. O Brasil passou no segundo reinado por uma série de profundas mudanças. Mudanças essas que refletem inclusive em nossa época. Sugiro que você olhe-se no espelho (se houver um por perto) nesse momento. Vamos tentar identificar características em você que talvez possam indicar algum parentesco com esses tais imigrantes citados aqui. Se você nota uma possível descendência alemã, talvez italiana, talvez alguma sutil semelhante com esses ou outros povos da Europa ou até com os povos da Ásia (que chegariam em grande número ao Brasil posteriormente), ou mesmo se você tem fortes traços de uma descendência negro-africana, então o assunto que abordaremos tem relevância, tem importância pra você. “Por quê?” Você deve estar se perguntando. Porque são eles (europeus, africanos e asiáticos) os atores dessa história. O estudo da história, aqui mostrado também traduz o estudo das origens. Talvez as suas origens.
A partir da primeira metade do século XIX (lembre-se que estamos falando do segundo reinado que vai de 1840 até 1889) o Brasil passa do posto de médio produtor para o de maior país exportador de café do mundo. O café que até então não era tão valorizado pelos europeus e americanos, agora havia se tornado uma bebida de forte consumo em seus países. Os produtores cafeicultores brasileiros começaram a produzir nesse momento como nunca haviam antes. Vale lembrar que o Brasil ainda tinha a sua economia baseada na mão de obra escrava, portanto éramos profundamente dependentes do escravismo. Acontece que esse crescimento das exportações gerava cada vez mais o acúmulo de riqueza para os produtores de café.
Todo o bom empresário tem como lema, “dinheiro que fica guardado é dinheiro perdido”. Essa é uma das principais perspectivas do capitalismo: O acúmulo de riquezas. Não basta ser rico é necessário ficar cada vez mais rico, pois quanto mais rico você for, melhor será sua qualidade de vida. Os produtores de café nesse momento passam a investir na modernização do cultivo e na indústria.
Agora que o Brasil produzia cada vez mais e que a modernização e as indústrias tomavam cada vez mais força na economia, tornava-se totalmente necessário o fim do uso do trabalho escravista, dando lugar a mão de obra operária.
Um número maior de produção não podia ser suprido apenas com o uso do trabalho escravo e havia uma fraqueza no consumo interno, levando o mercado brasileiro a depender muito do consumo externo. Fazia-se necessário a criação de um consumo interno. Esse motivo aliado a falta de preparo do escravo negro (diante da necessidade ao uso de novas e modernas ferramentas assim como novos métodos de produção na lavoura e na indústria) foram fortes razões ao uso de imigrantes europeus (mais experientes no ramo da indústria que já era forte realidade na Europa) e a futura abolição da escravatura, criando um amplo mercado interno e diminuindo os custos de produção e investimentos, comuns na relação entre senhor e escravos.
É certo que já havia por parte da Inglaterra (principalmente) uma forte pressão afim do fim do escravismo. A revolução industrial havia tornado-a o maior centro comercial do mundo e nesse momento de intensa produção, fazia-se necessário a esta o crescimento do mercado consumidor. Resumindo: Quanto mais países abolissem a escravidão, mais haveriam trabalhadores livres, consumidores ativos independentes dos senhores. Pressionando o fim da escravidão, a Inglaterra ajudava na criação de consumidores em potencial, que poderiam recorrer a ela, que era a nação que mais produzia através da indústria.
Chegavam à Europa, noticias de que o Brasil buscava trabalhadores para a indústria e o cultivo. Muitas famílias européias (principalmente na Alemanha e Itália) viviam nesse momento problemas diante das guerras e do desemprego. A vinda para o Brasil parecia a estes então, uma saída diante das promessas feitas pelos contratadores. Obviamente a realidade era outra.
Os imigrantes chegaram aqui com pouquíssimos pertences, afim de melhorias de vida. Trabalhavam para os latifundiários nas vastas propriedades onde podiam criar animais, fazer roças e plantar. Moravam geralmente em casas próximas umas das outras dentro das próprias fazendas. O conjunto formado por essas casas era chamado Colônia.
Havia entre os imigrantes e os proprietários um sistema de parceria onde os primeiros davam aos contratadores parte da colheita e ficavam com o restante, no entanto eram comumente enganados e explorados, levando à revoltas e o desestimulo a vinda de novos imigrantes. Os patrões os exploravam facilmente devido às diferenças culturais, e as barreiras impostas pela língua, entre outras coisas.
Surgiram entre os imigrantes às primeiras organizações operárias em busca de melhorias. A primeira foi a Imperial Associação Tipográfica Fluminense, de 1853. A primeira greve foi a dos gráficos no Rio de Janeiro em 1856.
Alguns conseguiram melhorar de vida, juntar dinheiro, comprar terras ou mudar para grandes centros urbanos onde abriam pequenas lojas ou fábricas. Mais tarde o governo do Rio Grande do Sul (situado em uma região até o momento bastante inexplorada), e Santa Catarina distribuiu terras entre eles afim da exploração dessas regiões. Desbravaram essas terras sem recursos ou condições para isso, conseguindo alguns a tornarem-se produtores.

Então e isso! Espero que tenham gostado e que voltem a visitar o nosso blog, sempre lembrando que essa não será a ultima postagem do COLA PRONTA. Logo, logo tem mais uma aula de história pra vocês, aqui no Bobquest. Vejam também os outros Posts. Garanto que vocês vão se divertir. Fuiiiiii!



Referência Bibliográfica

COTRIM, Gilberto, 1955 - História Global - Brasil e Gera l- volumeúnico/Gilberto Cotrim. – 8a. Ed.- São Paulo: Saraiva, 2005.

Fotos

http://www.projetoimigrantes.com.br/

Curiosidades

Clique para ver vídeos sobre os imigrantes do século XIX

http://www.youtube.com/watch?v=5fFcZ8IIMzU&feature=related

http://www.youtube.com/watch?v=xx0MoakC_3c

Clique para ver a imigração hoje
http://http//www.youtube.com/watch?v=iHrtky5zeGc&feature=related






Wellcome... Well num come ninguém não!!!

Bem vindo ao seu espaço de discussão sobre Cultura Pop, o BobQuest! O BobQuest é um blog diferenciado. Somente nele voçê pode ser voz ativa e voz ouvida. Nele discutimos desde as principais mazelas da Cultura Pop (nossa especialidade) até assuntos do dia a dia, o que popularmente é definido como "papo de buteco". Divirta-se e fique livre para xingar, comentar e usar da sua liberdade democrática, pois aqui é um dos poucos lugares onde esta será amplamente respeitada.
A Direção

Quem somos noizes?!!!

Somos apenas "caras comuns" que querem ser voz ativa e voz ouvida. A internet é a única ferramenta que dispomos pra dizer o que queremos, quando queremos. Ela é o último veículo de comunicação cem por cento democrático. É o único meio de explanação de pensamentos livres de repressão por parte dos poderes, por isso nós aqui a utilizaremos da forma mais livre e sucinta para adentrar e discutir desde as tendências do mundo pop a quaisquer outros assuntos, independente de influências externas ou internas. Aqui você terá liberdade de falar o que bem quiser... enquanto for possível.

Pra entender o que eu tô dizendo

Siga-nos no Twitter

    follow me on Twitter
    Ocorreu um erro neste gadget

    Nossa Trupe

     
    ▲ TOPO ▲