img-feed img-feed-email

Salada Poética

Por Zanah Rios


Olá povo de todas as tribos, sintam-se convidados fazer um mergulho de cabeça no nosso...(que rufem os tambores) mooooomennnnto poesia! Este blog está ousado,afffffffffff... Percebam que o Bob D me convidou para inaugurar uma salada poética. Vixxxxxe, que responsa! Segundo Léon Felipe: “ A distância entre um homem e a realidade é um conto”, O nosso Mário...olhaaaa!... nem quero saber o que você pensou. (risos), estou falando do Mário Quintana, lembram dele? Pois é! este carinha falou assim: “A diferença entre um poeta e um louco é que o poeta sabe que é louco... Porque a poesia é uma loucura lúcida” , querem outra dele? !!! Então lá vai...segura essa! “Eu amo o mundo! Eu detesto o mundo! Eu creio em Deus! Deus é um absurdo! Eu vou me matar! Eu quero viver! Você é louco? Não, sou poeta”. Já deu pra sentir né! Penso, se é que alguém há de acreditar que penso!!!!!!!!.rsrsrs, mas, pedindo licença aos grandes mestres da literatura,”Quem são eles”?...brincadeira!, penso que um poeta é aquele que numa “loucura lúcida” nos apresenta um mundo concreto, real, de forma inefável, sem conceitos ou formatos restritivos. Quem lê uma poesia busca o autor e acaba encontrando a si próprio. Por isto nunca me perguntem pra quem ou porque escrevi algo. E que todo mérito seja dado a você filho (a) de Poseidon, que mergulhou neste mar insano de palavras e sentimentos escritos, nascidas apenas da observação desta humilde parideira. Sejam bem vindos! Espero que apreciem sem moderação!


Gentil humanidade.

Contrario as prédicas que me apontam soberbas,
decido insigne e inflexível continuar meus passos,
não sou cativa do trato alheio...sou ledo labirinto,
límpida, não admito e nem me limito a conceitos turvos .
Sou livre.

Mergulho na força do amor que me contém,
renunciando com afinco o viver novelesco
dos ordinários que não suportam o invulgar,
Invulnerável continuo... eu sei quem sou.
Sou livre.

Isenta de um espirito desenxabido...massante,
arrebento as amarras da autopreservação , e vivo.
Sou livre.

Avalio e avanço, desdenhando a descrença do novo,
Que prevaleça a novidade e sustente o solicito.
Por que eu sou livre.

Zanah Rios

Wellcome... Well num come ninguém não!!!

Bem vindo ao seu espaço de discussão sobre Cultura Pop, o BobQuest! O BobQuest é um blog diferenciado. Somente nele voçê pode ser voz ativa e voz ouvida. Nele discutimos desde as principais mazelas da Cultura Pop (nossa especialidade) até assuntos do dia a dia, o que popularmente é definido como "papo de buteco". Divirta-se e fique livre para xingar, comentar e usar da sua liberdade democrática, pois aqui é um dos poucos lugares onde esta será amplamente respeitada.
A Direção

Quem somos noizes?!!!

Somos apenas "caras comuns" que querem ser voz ativa e voz ouvida. A internet é a única ferramenta que dispomos pra dizer o que queremos, quando queremos. Ela é o último veículo de comunicação cem por cento democrático. É o único meio de explanação de pensamentos livres de repressão por parte dos poderes, por isso nós aqui a utilizaremos da forma mais livre e sucinta para adentrar e discutir desde as tendências do mundo pop a quaisquer outros assuntos, independente de influências externas ou internas. Aqui você terá liberdade de falar o que bem quiser... enquanto for possível.

Pra entender o que eu tô dizendo

Siga-nos no Twitter

    follow me on Twitter
    Ocorreu um erro neste gadget

    Nossa Trupe

     
    ▲ TOPO ▲